Bolsonaro assina decreto com novas regras sobre uso de armas e munições

O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta quarta-feira um decreto para alterar as regras sobre o uso de armas e munições. O decreto foi assinado em uma cerimônia no Palácio do Planalto e, de acordo com o governo, vale para colecionadores, atiradores esportivos e caçadores. Ao discursar, Bolsonaro informou que o decreto prevê que:

– o direito a 50 cartuchos por ano passará para mil;

– colecionadores, atiradores e caçadores poderão transitar com arma com munição;

– praças das Forças Armadas com dez anos ou mais terão direito ao porte de arma.

Segundo o presidente da República, o governo foi “no limite da lei” ao editar o decreto desta terça-feira.