Lucélio muda postura e começa a mandar chumbo em Maranhão e João

Faltando 18 dias para a eleição e após resultados divulgados das últimas pesquisas, que mostram a necessidade de pontuar mais para chegar ao segundo turno, Lucélio Cartaxo (PV) começou a mandar chumbo para Maranhão e Ricardo na propaganda eleitoral.

O candidato questiona a promessa de José Maranhão de diminuir a violência com base em sua experiência de governo.

Para fazer o contraponto, o guia de Lucélio apresenta resultados da experiência Maranhão em sua última passagem pelo governo, quando segundo o guia do candidato do PV, a polícia não tinha coletes para todos e faltava munição, combustível para viaturas e alimentação de qualidade.

Já na artilharia contra o candidato João Azevedo (PSB), Lucélio atira com os últimos números negativos do IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) no estado da Paraíba. 

Mudança na postura de Lucélio Cartaxo no guia eleitoral também chama com a peça que diz "Sai Coutinho e entra Cartaxo", tentando fazer um link com a mudança de governo que aconteceu em João Pessoa com a saída de Ricardo Coutinho para a entrada de Luciano Cartaxo na prefeitura.

Contudo, sabe-se que o intuito de Lucélio e de seu grupo é polarizar com Maranhão. Seria o cenário ideal não ter João no segundo turno.

Nesta reta final, quem quiser chegar lá, vai ter que mirar e atacar.